Moda íntima : 5 dicas para escolher os produtos certos para revender

0
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

moda íntima

Escolher os produtos certos para uma revenda de moda íntima é algo extremamente desafiador, afinal, há uma infinidade de opções disponíveis no mercado de lingeries, porém, ao contrário do que muitos pensam, nem sempre a beleza de uma peça é suficiente para que ela seja vendável. Na verdade, outros atributos devem ser considerados, como por exemplo, a durabilidade, o preço e o conforto.

Ao montar o estoque de produtos, as revendedoras devem adotar alguns cuidados para não errar nas compras. Pensando nisso, vamos compartilhar com você 5 dicas básicas para fazer escolhas certeiras para sua revenda de moda íntima. Vem com a gente!

1. Conheça as tendências atuais do mercado

O primeiro passo para acertar na compra de produtos para sua revenda é conhecer as tendências do mercado. Procure saber o que está em alta e os itens que estão em baixa, descubra quais são os tipos de lingerie atemporais, conecte-se com as novidades da área, visite perfis especializados, veja revistas de moda íntima e se atualize. O conhecimento vai te ajudar a fazer as melhores escolhas na hora de montar o estoque.

2. Entenda o perfil do seu público-alvo

Para que as peças de moda íntima não fiquem encalhadas na sua revenda, é importantíssimo entender o perfil do público-alvo, incluindo as preferências, os hábitos de consumo, o estilo pessoal, a silhueta, o poder aquisitivo, etc. Quanto mais você souber sobre os potenciais clientes, maiores serão as suas chances de montar um estoque bem sucedido. Fica a dica!

moda íntima

3. Compre em uma boa loja de atacado

Contar com bons fornecedores de moda íntima é meio caminho andado para escolher produtos certos para revender. Sendo assim, é fundamental comprar as peças de lingerie em uma boa loja de atacado. Dê preferência a uma empresa com boa reputação no mercado, experiência comprovada e que trabalhe com produtos de qualidade. Antes de escolher seu principal fornecedor, pesquise a opinião de outros revendedores, visite a página da loja de atacado e faça o pedido mínimo para, só depois, realizar compras maiores para revender.

4. Monte um estoque diversificado de moda íntima

Outra dica de ouro consiste em montar um estoque diversificado, com grandes chances de agradar os consumidores. Invista em conjuntos, calcinhas e sutiãs avulsos, camisolas, pijamas, cintas, fantasias, etc. Cores e tamanhos variados também são bem-vindos. Vale a pena, inclusive, investir em moda plus size.

5. Vá além da beleza do produto

A estética da lingerie é fundamental no sucesso das vendas, porém, a revendedora não deve se limitar a isso. É preciso ir além e comprar produtos que verdadeiramente agreguem outras qualidades além da beleza. Portanto, aposte em peças que unam o belo design, com tecidos de alto padrão, bom acabamento, conforto, modelagem que valorize o corpo, preço atrativo e detalhes diferenciados.

E aí, você gostou das nossas dicas para escolher os melhores produtos de moda íntima para revender? Vai colocar as nossas sugestões em prática? Compartilhe as suas opiniões conosco através dos comentários. Até a próxima e continue acompanhando as novidades do nosso blog.

 

Comentários no Facebook